Resenha #59: Segredos de um pecador

TítuloSegredos de um pecador
AutoraMadeline Hunter
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 239

Segredos de Um Pecador - Leona Montgomery foi criada na China. Com pai inglês e mãe portuguesa, aprendeu desde cedo a se adaptar aos costumes de outras terras e adquiriu uma cultura e uma sofisticação incomuns às mulheres de seu tempo. Por isso, quando o pai, já viúvo, morreu, deixando os dois filhos em uma situação financeira difícil, Leona assumiu os cuidados do irmão caçula e os negócios da família. Trabalhando pela recuperação da Montgomery & Tavares, ela viajou por diversos países, negociou com homens rudes e enfrentou piratas. Recém-chegada a Londres, agora espera fechar parcerias comerciais e dar sequência a uma investigação que o pai não pôde concluir. Mas estar em Londres significa algo mais. 
Sete anos atrás, Edmund, um naturalista inglês, deixou Macau à noite, depois de um beijo de despedida que Leona nunca esqueceu, e retornou à Inglaterra. O que Leona não poderia imaginar era que Edmund na verdade é Christian Rothwell, o marquês de Easterbrook, um homem poderoso envolto em mistérios – e que talvez se beneficiasse com o fim das investigações de seu pai. Dividida entre o dever e a tentação, é na cama do marquês que ela fará suas maiores descobertas.
Madeline Hunter tem uma capacidade excepcional de conduzir o leitor por romances ardentes que falam direto ao corpo, à mente e ao coração.” – Romantic Times 


Oi pessoal, tudo bom com vocês? Nem vou comentar mais sobre os meus sumiços (vergonha)! Desta vez estava viajando e por isso acabei atrasando com tudo... mas tentarei postar um vídeo, em breve, mostrando um pouquinho do que eu vi – e vivi- nesta viagem! 

Desculpas à parte, vamos ao que realmente interessa: livros! O livro da vez é Segredos de um pecador, da autora Madeline Hunter. Confesso para vocês que não sabia que este era o último volume de uma série e bem, tal fato talvez tenha prejudicado um pouco o início da minha leitura.

Estar iniciando um livro e já me deparar com personagens que eu supostamente deveria conhecer fez com que os capítulos iniciais se arrastassem e só quando finalmente me familiarizei foi que a leitura engrenou.

Bem, o que fica da minha experiência é que, se possível, leiam a série em ordem já que faz diferença, mesmo que só no início – acredito eu.

O livro trás a história de Christian Rothwell, um homem excêntrico, recluso, que carrega consigo um segredo que encara como uma maldição e que está prestes a reencontrar uma mulher com quem teve uma ligação a sete anos atrás, em Macau, quando usava o nome de Edmund.

Leona é uma mulher forte e a frente de sua época, que após a morte de seu pai assume os negócios da
família e faz de tudo para reergue-los. É com este pretexto de conseguir sócios importantes que Leona vai a Londres, mas, aquela não é a sua única missão.

É em Londres que o reencontro do casal principal acontece e é claro que, como todo bom romance de época, a química é inegável. Por mais que Leona lute contra a tentação de ficar perto de Chritian, a mesma se vê totalmente envolvida quando suas investigações tomam um rumo cada vez mais perigoso, momento em que Christian toma as rédeas da situação, mesmo sendo um de seus suspeitos.

O romance é construído em meio a um duelo de forças entre os personagens e contra o que sentem, em meio a interesses, poder, uma forte atração e mistérios que nos são revelados ao decorrer da obra.
A narrativa da autora foi algo que me surpreendeu. A forma como ela consegue levar a história é muito boa e confesso que apesar de não ter me prendido tanto a história, sua narrativa não deixa nada a desejar das minhas demais autoras favoritas do gênero.

Os personagens – tanto os principais quanto os secundários – são muito interessantes e é possível ver suas qualidades e defeitos, o que sempre me agrada muito.

Neste ponto só tenho uma ressalva a fazer: Leona luta tanto para concluir suas investigações que, no momento que ela toma ciência de tudo, bem, eu senti falta de uma demonstração maior do que a personagem estava sentindo.

No mais, a própria personagem me agradou muito, sendo ela perspicaz, audaciosa e focada. Bem, agora vocês imaginam, se ela me agradou, imagina o excêntrico Christian? Todos sabem – ou quase isso – que desde Chuck Bass eu tenho uma queda por personagens excêntricos e bem, Christian cumpre muito bem seu papel de galã. Seja em suas fases mais ousadas, reclusas ou fofas, bem, ele possivelmente vai te arrancar alguns suspiros.


Bem pessoal, foi isso! Desculpe se não fui muito clara e pela demora em postar a resenha! Fica aqui uma ótima indicação de romance e aguardo a opinião de vocês através dos comentários! Beijos e até o próximo post.


19 comentários:

  1. Hahahahahaha sei bem como é começar uma série pelo último livro, já fiz isso também.
    Adorei sua resenha mas não leria o livro, sei que não me agradaria.
    Mas adorei a capa! Beijos,
    Thousand Lives to Live ♥

    ResponderExcluir
  2. Oie Polly!!
    Essa série esta na minha lista de futuras compras. E horrível começar uma leitura sem saber que tem um livro anterior e acabar ficando perdida, mas que bom que isso não estragou em nada seu entendimento da história. Adorei a sua resenha e fiquei ainda mais curiosa para conhecer todos os personagens.
    Parabéns!
    Juh - Surtos da Juleka

    ResponderExcluir
  3. Oii querida, tudo bom?
    Não conhecia o livro, mas sua resenha me deixou encantada, espero poder ler ele em breve,
    Um beijo.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Deve ser ruim você pegar um livro no final da série, mas que bom que você gostou da história. Os livros de época são maravilhosos e eu amo.
    Pretendo ler esse livro em breve.
    Adorei a resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Pollyana, infelizmente ainda não comecei a ler esta série, mas imagino o quanto ela é boa, pois tenho acompanhado os volumes através das resenhas que vão saindo. Adoro romances de época, e a Arqueiro tem feito um ótimo trabalho neste gênero.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Aaaah, como eu quero ler essa série! Sou loucamente apaixonada por romances de época, e dos publicados pela Arqueiro, os da Madeline são os únicos que eu ainda não li *-* Já me apaixonei por Christian ♥ hehe'
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Boa noite!

    Confesso que romance nunca foi o meu gênero preferido, mas, sempre que dá, acabo lendo algum para sair daquela onda de ação que eu amo. Hahah. Acho que, se eu fosse julgar pela capa, não teria tanto entusiasmo para ler, mas de tanto ler já aprendi que isso é um péssimo hábito. Sem contar que fiquei apaixonada por essa sinopse! Gosto de histórias onde a personagem principal sempre se mostra forte. Sua resenha me deixou curiosa e, com certeza, este é um livro que eu daria uma chance. :3

    Beijos,
    Império Imaginário | Goulart, F.

    ResponderExcluir
  8. Oii, tudo bem?
    Eu não tinha ouvido falar desse livro ainda rsrs, mas ele me chamou muito a atenção, parece ser um livro realmente muito bom, e com certeza vai ter um romance de tirar o folego.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oiee.

    Tenho um livro da autora, no entanto ainda não o li. Espero mesmo gostar da trama quando o ler, pois minha irmã disse que é bom.
    Este é novo para mim e vou tentar ler, pois sua resenha está muito legal


    Beijos
    http://www.amorliterariooriginal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, flor!
    Bom saber que é preciso ler essa série na ordem. Eu sou daquelas que acaba pegando um volume à parte, apenas por que a resenha me ganhou (rs). Achei a história desse casal interessante. Gosto de duelos entre fortes personalidades. Espero curtir a leitura, mas acho que só chegarei a ela se os volumes anteriores me agradarem.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá, flor, rsrs, diferente de você eu não gostei muito da Leona, sei lá, rsrs, acho que nenhuma mulher é boa o suficiente para meu Christian, sou apaixonada por ele desde os primeiros livros da série, então fiquei um pouco decepcionada por não ter gostando tanto do seu par :'(
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Pollyanna! Como vai?
    ~Seu nome é muito bonito, moça.~
    Nunca tinha ouvido falar de Segredos de um Pecador e ainda estou entrando nesse mundo de romances de época... Ainda não li nenhum livro do gênero. Apesar de parecer bastante interessante, não sei se leria esse livro, sei lá por que. Pelo menos não de início. Talvez se eu lesse na ordem, se eu me interessasse pelo primeiro, eu teria vontade de ler esse, mas no momento não. Não sei se é impressão, mas a Leona parece ser uma mulher muito... séria, e isso me deixou meio assim. Quem sabe um dia? Gosto de personagens que me fazer suspirar, hahaha.
    Beijinhos,
    Karol.
    www.heykarol.com

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Confesso que faz muito tempo que não leio um romance de época. E assim como você não sabia que esse pertencia a uma série. Já ouvi falar muito bem da Madeline Hunter. Acho que vou colocar ela na categoria romances de época do desafio deste ano. É uma boa oportunidade de conhecer a autora.

    Bjs

    www.cladassombras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Quero ler esse livro há algum tempo, acho a capa linda e adoro esse tipo de história. Estou caçando para baixar - já que comprei um kindle - mas está dificil ein...

    ResponderExcluir
  15. Só leio elogios sobre essa serie, gosto muito de romance de época, mas não sei se teria paciência para comçar uma serie não, tem tantas aqui na estnate que eu nem comecei,kkkkk.

    Sua resenha ficou ótima e mesmo com esse probleminha de ter lido o último livro sem saber que era uma serie, você aproveitou bem a história depois que engrenou sua leitura né? Pelo menos não foi uma leitura perdida.


    bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi,
    Sempre que leio resenhas dos livros dessa trilogia penso se deveria ler na ordem, muitas vezes leio a pessoa falando que não teria problema, mas é tão ruim começa um livro dessa forma, sem ao menos de um certo histórico dos personagens, como foi o caso..
    Bom a trama despertou minha curiosidade, um personagem tão egocêntrico só aumentou a vontade pela leitura.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos



    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  17. Ola, tudo bem?
    Acho que pode ser un livro interesante. Vou ponhelo na lista para leituras.
    Adorei a capa e a sua resenha.
    Boas leituras e beijos de Espanha! :)
    http://abracalibro.blogspot.com.es

    ResponderExcluir
  18. Uma amiga me indicou esse livro e fiquei bastante curiosa, pretendo ler em breve

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ SORTEIO box Nicholas Sparks

    ResponderExcluir
  19. Hahaha Chuk Bass <3 amoooo!! Acho que sou dessas tbm xD
    Gostei da personagem feminina ser uma mulher determinada, forte e batalhadora em meio a uma época mais antigo, gosto de mocinhas assim! Fiquei meio receosa pelo começo de sua resenha, mas curiosa pela premissa do livro. Talvez eu leia se tiver uma oportunidade!!

    xoxo
    http://www.amigadaleitora.com/

    ResponderExcluir