Resenha #55: O visconde que me amava

Título: O visconde que me amava
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 290
 Visconde Que Me Amava - A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano seráAnthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva.Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela.Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele.Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.Considerada a Jane Austen contemporânea, Julia Quinn mantém, neste segundo livro da série Os Bridgertons, o senso de humor e a capacidade de despertar emoções que lhe permitem construir personagens carismáticos e histórias inesquecíveis.


Olá pessoal, tudo bom com vocês? Hoje venho falar um pouquinho sobre o segundo volume da série Os Bridgertons! Se você ainda não leu o primeiro, não tem problema. Desta vez a resenha é sem spoilers. Os livros podem ser lidos fora de ordem, sem nenhum prejuízo a leitura.

Avisos dados, vamos lá!

No início do livro vemos que está aberta a caça aos maridos no ano de 1814, ou como era chamada, a época de debute, de apresentação das moças na temporada de bailes.

É nesse contexto que se desenvolverá a história de Anthony Bridgerton, um visconde charmoso que está dando um basta em sua vida de libertino e pretende encontrar a esposa ideal. Junte seu título ao fato de o mesmo ser rico e bem, você já sabe como ele se torna o solteiro mais cobiçado da estação.

Quando este põe os olhos em Edwina Sheffiel, ele percebe que a mesma é a candidata ideal. Mas, como nem tudo são flores, não será tão fácil leva-la ao altar. Para conseguir tal façanha, Anthony tem que convencer a irmã da moça, Kate, que merece a mão de sua irmã.

É o primeiro debute de Kate também e a mesma acredita estar ali só para ajudar a encontrar para sua irmã o parceiro ideal, mas, ao tentar afastar o visconde de sua irmã, ela começa a perceber que por trás de toda libertinagem existe um homem honesto, inteligente, gentil e com um grande senso de responsabilidade familiar.

Adicionar legenda
Ao mesmo tempo, Anthony começa a perceber que por trás de toda a teimosia e conclusões rápidas demais, existe uma mulher forte, inteligente, que lhe desperta mais que uma simples atração.
Bem você já deve ter percebido o que acontece ao decorrer da trama né?!

É em meio a este contexto que Julia Quinn desenvolve mais um de seus incríveis romances de época e que, me arrisco a dizer, consegue ser ainda melhor que o primeiro.

A forma como os personagens começam a se relacionar, a construção dos mesmos e o desenvolvimento do enredo são uma fórmula perfeita para criar um livro impossível de se largar antes do fim.

Anthony Bridgerton é um daqueles personagens que vai te arrancar suspiros, mas, que também fara com que você perca a paciência com sua cabeça dura e claro, te arrancará boas risadas.


Os diálogos entre Kate e Anthony são divertidos. As farpas trocadas pelos mesmos proporciona ao leitor uma obra divertida, com personagens inteligentes e incrivelmente cabeças duras.

Outra personagem que está com tudo nesta obra é Lady Whistledown, nossa fofoqueira preferida do século XIX. Esta encontra-se ainda mais sarcástica e presente neste livro, deixando-nos ainda mais curiosos para descobrir sua identidade. Se você não leu o primeiro livro e não sabe de quem se trata, bem, basta ter em mente que ela é uma espécie de Gossip Girl da época, que tudo vê e tudo conta.

Bem, quanto a narrativa, como dito na resenha do livro anterior, flui muito bem. Julia tem uma escrita leve e envolvente, que dá ainda mais charme a seus romances.

A premissa do livro não é nada inovadora. Você já vislumbra o desfecho da história desde o primeiro capítulo, mas, isso não atrapalha a leitura. O mais divertido é ver o desenrolar da história, acompanhar todas suas voltas e reviravoltas.

Bem pessoal, é isso! Fica aqui a recomendação de mais um livro romance de época para vocês! Julia já se tornou uma de minhas autoras favoritas no gênero e garanto que sua escrita vai encantar vocês também!

Beijos, até a próxima resenha e não deixem de comentar!



16 comentários:

  1. Eu adoro demais a Julia Quinn e esse é um dos livros mais engraçados da série (só não digo melhor porque minha queda pelo Colin me impede). Eu reli há pouco tempo, mas já fiquei com saudade dos personagens.

    The Fat Unicorn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elisa, tudo bom? Agora fiquei muito curiosa pelo do Colin! Rs Para mim, dentre os três primeiros esse é o melhor, dei muitas risadas e suspiros com ele! Julia Quinn é muito diva <3 Obrigada pelo comentário e visita, bjs

      Excluir
  2. AAAAA, essa Julia Quinn! ♥
    Preciso ler esse livro logo, tô doida pra conferir o romance do Anthony, ele e o Colin são os irmãos que mais gostei em O Duque e eu *-*
    Bjs Polly
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, você precisa ler! Anthony me conquistou muito! Fiquei encantada com ele *-* rs Este é o melhor dos três primeiros, para mim. Vale muito a leitura *-* Obrigada pelo comentário e visita ;D

      Excluir
  3. Aiii Polly!!!

    Essa serie dos Bridgertons é uma das minhas queridinhas!! A Julia é otima!!!

    Anthony me surpreendeu amei o tom espirituoso dos dialogos ^_^

    O 3 é a história do Benedict, mas o do Collin é perfeitoo!!! Tem como não amar a gossip girl da era vitoriana?? kkkkkkkkkkkkkkkk

    :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafaela, tudo bom? Essa série é muito amor <3 Anthony é incrível mesmo, imaginava outra personalidade para ele e adorei ter errado em relação a isso rs Pois é, a GG da era vitoriana é melhor que a do seriado, só acho kkkkk Obrigada pela visita e comentário! Bjs

      Excluir
  4. Estou acompanhando esta série e até o momento achei este o livro mais divertido de todos, adorei do início ao fim. Super fã da Julia Quinn, já era na época dos romances de banca e agora ainda mais.

    Beijo, Vanessa Meiser
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa! Eu, infelizmente, só vim conhecer o trabalho da Julia pela Arqueiro, mas, assim como você estou adorando os livros dela! Foi uma excelente surpresa conhecer uma autora tão boa ^^' Obrigada pela visita e comentário! Bjs

      Excluir
  5. Olá Polly.
    Então... Romance histórico para mim sempre é um desafio, leio muito pouco. Porque não é lá um dos meus gêneros favoritos, mas sempre escuto falar tão bem da Quinn, que dar vontade de ler na hora.


    Lucas - Carpe Liber
    http://livrosecontos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucas, então não pense muito, leia! kkkk Brincadeiras à parte, recomendo muito os Livros da Julia para que está começando a ler romance e para quem lê pouco, você vai gostar, vai ver ^^"
      Obrigada pela visita e comentário! Bjs

      Excluir
  6. Ainda não li desta autora mas, pela sua resenha, este parece ser exatamente o tipo de livro que me faz apaixonar-me. Gosto muito de romance, e o fato de o desfecho ser previsível não me incomoda, já que a maioria dos romances são assim... Já coloquei na minha listinha de futuras compras.

    Bjinho,
    Pri.
    pirigueteliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Priscilla, leia sim, vale muito a pena! A Julia é, sem dúvidas, uma de minhas autoras de romance de época favorita. A propósito, um livro é mais apaixonante que o outro rs
      Obrigada pela visita e comentário ^^'
      Bjs

      Excluir
  7. Oi Pollyanna,
    Ainda não li nada da Julia Quinn, mas só vejo comentários extramente positivos sobre seus romances, sua escrita e seus personagens.
    Adorei a premissa desse livro e fiquei com muita vontade de conhecer a Kate e o Anthony!
    Beijos,
    Ká Andrade
    http://www.teens-books.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ká, bem, como você pode perceber, eu sou suspeita para falar dessa autora, né? Mas, vale muito a pena conhecer! Além de ser incrível, ela vem na bienal esse ano, então, além de tudo tem como se apaixonar pelas obras dela e ainda trocar uma ideia rs
      Beijos e obrigada pela visita e comentário ^^'

      Excluir
  8. ADORO os livros da autora <3 Se prepare para os próximos RSRrs
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiza, confesso que acabei lendo o próximo antes de responder os comentários (não me contive rs) e só posso dizer que AMEI <3 Esse segundo é melhor ainda, para mim, mas, o terceiro é igualmente apaixonante e divertido rs Obrigada pela visita e comentário ^^' Bjs

      Excluir