Resenha #39: Vinte garotos no verão

Título: Vinte garotos no verão
Autora: Sarah Ockler
Editora: Novo Conceito
Páginas:288
Quando alguém que você ama morre, as pessoas perguntam como você está, mas não querem saber de verdade. Elas buscam a afirmação de que você está bem, de que vocêaprecia a preocupação delas, de que a vida continua. Em segredo, elas se perguntam quando a obrigação de perguntar terminará (depois de três meses, por sinal. Escrito ou não escrito, é esse o tempo que as pessoas levam para esquecer algo que você jamais esquecerá). As pessoas não querem saber que você jamais comerá bolo de aniversário de novo porque não quer apagar o sabor mágico de cobertura nos lábios beijados por ele. Que você acorda todos os dias se perguntando por que você está viva e ele não. Que na primeira tarde de suas férias de verdade você se senta diante do mar, o rosto quente sob o sol, desejando que ele lhe dê um sinal de que está tudo bem.

Sabe aquele tipo de história que te inunda com os mais diversos tipos de sentimentos e que, após encerrá-la ela ainda permanece por muito tempo em sua cabeça?! Bem, este livro é um ótimo exemplo de histórias assim.

Em Vinte garotos no verão você conhecerá a história de Anna e dos irmãos Frankie e Matt, vizinhos inseparáveis que são amigos desde a infância. Costumavam compartilhar tudo entre si, bem, quase tudo. Anna sempre escondeu uma paixonite por Matt, nutrindo esperanças de que um dia ele a correspondesse. 

É na comemoração do décimo quinto aniversário de Anna que Matt demonstra sentir o mesmo e bem, eles começam a descobrir sentimentos que até então desconheciam.

Preocupados em como contariam para Frankie, Matt faz Anna prometer que deixará que ele conte sobre eles para sua irmã em um momento propício, a sós, na viagem que farão em família para a Califórnia, mais especificamente em ZanzibarBay.

O que parecia perfeito acaba desmoronando após “o” acidente repentino, fazendo que a próxima viagem à califórnia seja repleta de segredos, descoberta de si mesmo e, acima de tudo, esperanças.

O que parece ser só mais uma história bonitinha, acabou se mostrando uma obra com uma narrativa doce, onde se trata de forma delicada de temas como perdas repentinas, o sofrimento proporcionado quando estas ocorrem e sobre superação e amadurecimento. Usando uma expressão bem chula, é aquele tipo de livro que trata de temas delicados pelos quais todos nós viveremos, “mexendo nas feridas” que a maioria de nós já passamos ou que ainda carregamos.

Temas tão complexos são tratados de forma simples e de acordo com a maturidade e sensibilidade de uma garota de 16 anos. Vi algumas críticas sobre momentos dramáticos da personagem, mas, convenhamos, quem não era dramático nessa idade, ainda mais quando lidava com perdas?! Acredito que a autora caracterizou bem suas personagens, fazendo com que estas demonstrassem a idade que tinham.

A escrita da autora é muito envolvente e a diagramação desenvolvida pela editora ficou maravilhosa. Manter a capa original foi outro ponto positivo!

Este é um livro que recomendo a todos vocês, com a certeza de que passaram bons momentos com as palavras de Sarah Ockler!

Beijos e até a próxima!



Siga a a página do blog no facebook e visitem meu Skoob !

22 comentários:

  1. oh Deus, vou começar essa leitura hoje e adorei saber mais sobre a tua opinião!
    Beijos.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Pollyanna!
    Confesso que quando o livro foi lançado ele não me chamou atenção, apesar da capa belíssima. Agora, sabendo do que se trata, e de sua resenha positiva, fiquei curiosa pela leitura, procuro algo do tipo no momento. :)

    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Ei Pollyanna,

    Este livro é super bem falado lá fora, foi o lançamento que me deixou mais curiosa e devo ler em breve também. Que bom que vc gostou. ^^
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler *u*

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  5. Gente, querendo muito! (indescritível quanto eu quero)

    Parabéns pela resenha, excelente!
    Adorei o blog e já estou seguindo,
    Beijão!
    www.enfimepilogo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Aw, esse livro desperta muito meu interesse, ele tá aqui na estante esperando ser lido, será minha próxima leitura, tua opinião me deixou bem curiosa.

    Beijocas,
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  7. Oie Pollyanna,
    Acredita que é a primeira resenha que leio desse livro? Já tinha visto quando foi o lançamento,
    mas não sabia da premissa do livro. Gostei muito de sua resenha, você ressaltou pontos importantes
    da história e só me fez ficar ansiosa para leitura do livro.

    Beijos,
    Jéssica
    http://www.leitorasempre.com/

    ResponderExcluir
  8. Gostei do seu trabalho, está de Parabéns! O blog e ótimo. Voltarei aki sempre

    ResponderExcluir
  9. Gostei da resenha, curiosa agora para ler.

    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi.. Li esse livro em fevereiro se não me engano em inglês antes de lenacar aqui e gostei bastante... Mas n achei tudo isso.
    Adorei saber sua opinião...
    Forever a Bookaholic

    ResponderExcluir
  11. Oi Pollyanna, tudo bem ?
    Quero começar a ler esse livro logo, achei a história muito boa e depois da sua resenha fiquei com mais vontade ainda de ler.

    Beijos, Ivana

    http://omundinhoderebecca.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Já tinha visto este livro, mas não tinha parado para ler um resenha. Acho que iria gostar de ler, por abordar um assunto tão complexo, de forma simples assim como você disse.
    Até mais. Bom feriado.
    http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Pollyanna,

    Esse livro esta na minha lista de espera de leitura, essa é a primeira resenha que leio dele e me deixou animado, espero gostar também....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Estou com esse livro aqui
    mas infelizmente ainda não tive tempo de ler

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Esse é um livro que me chamou muito a atenção pela capa belíssima! Estou loucamente curiosa para ler. @AlineCrismel- http://sobrelivrosemaisumpouco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Esse livro também chegou aqui para euzinha. Pretendo ler, mas não agora...bom saber que é um livro tão perfeito assim.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta.

    ResponderExcluir
  17. Eu acabei de receber a caixinha com este livro, e fiquei tão feliz. Os comentários sobre eles são encantadores, quero muito ler logo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. A princípio eu até imaginei que esse livro iria tratar de algo haver com homossexuais e etc ... Mas, me enganei totalmente rs.
    Estou muito interessado em ler.

    David - Leitor Compulsivo (www.leitorcompulsivo.com)

    ResponderExcluir
  19. Oi Pollyanna!
    Que legal sua resenha, achei interessante a autora tratar sobre temas pesados de forma simples e doce, e da personagem realmente aparentar a idade que tem. Minha filha que vai fazer essa resenha no meu blog, acho que ela vai curtir.
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  20. Estou com esse livro aqui, mas ainda não tive tempo de ler
    Mas parece ser uma linda história, me encantei com a sinopse

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com


    ResponderExcluir
  21. Apesar de ter gostado bastante da sua resenha, esse livro não me interessou muito. Não é exatamente o gênero que eu gosto.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Maio

    ResponderExcluir
  22. Gostei bastante da sua resenha, mas não sei se leria a obra. Não é o tipo de livro que eu costumo ler. Mas, quem sabe, eu leia. Ler coisas diferentes de vez em quando faz bem.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Maio

    ResponderExcluir